Micasa

CADEIRA PHEABY | PATRICIA URQUIOLA | MOROSO

PHEABY

2023

Na cadeira estofada Pheaby, desenhada por Patricia Urquiola para Moroso, a abordagem construtiva exprime-se através de um inusitado antagonismo entre o design artesanal e o pensamento industrial, resolvido na máxima eficiência estrutural dos elementos constituintes.

As pernas, suportes mais parecidos com a ideia de um cavalete de carpinteiro do que com a perna de uma cadeira, sustentam um assento macio , arredondado e totalmente livre de arestas .

Pheaby aproveita assim ao máximo as características dos materiais que a compõem, revelando, na sua versatilidade, leveza e conforto.

DIMENSÕES

0.51 X 0.57 X 0.77 h

Patricia Urquiola nasceu em Oviedo (Espanha) e vive e trabalha em Milão. Estudou Arquitetura na Universidade Técnica de Madrid e na Universidade Politécnica de Milão, onde se formou em 1989 com Achille Castiglioni.
Ela foi professora assistente de Achille Castiglioni; trabalhou com Vico Magistretti; e também foi Chefe de Design da Lissoni Associati. Em 2001 abriu seu próprio estúdio, atuando nas áreas de design de produto, interiores e arquitetura. Seus projetos mais recentes incluem: O museu de jóias “Museo del Gioiello” em Vicenza, o Hotel Mandarin Oriental em Barcelona, ​​o Hotel Das Stue em Berlim, o Spa do Hotel Four Seasons em Milão; designs de varejo e exibição para Gianvito Rossi, BMW, Cassina, Ferragamo, Flos, Missoni, Molteni, Officine Panerai, H&M, Santoni e Pitti Uomo Firenze. Ela criou produtos para várias empresas importantes na Itália e no exterior, incluindo: Agape, Alessi, Axor-Hansgrohe, Baccarat, Boffi, Budri, De Padova, Driade, Flos, Gan, Georg Jensen, Glas Italia, Haworth, Kartell, Kvadrat, Listone Giordano, Louis Vuitton, Moroso, Mutina, Rosenthal e Verywood. Alguns de seus produtos são exibidos nos grandes museus de arte e design, incluindo o MoMa em Nova York, o Musée des Arts decoratifs em Paris, o Museum of Design em Zurique, o Vitra Design Museum em Basel, o Victoria and Albert Museum em Londres, o Stedelijk em Amsterdã e a Trienal de Milão. Ela ganhou inúmeros prêmios internacionais, incluindo: A Medalha de Ouro al Mérito em las Bellas Artes do governo espanhol; a ordem de Isabel a Católica, apresentada a ela por Sua Majestade o Rei Juan Carlos I da Espanha; “Designer da década” para as revistas Home e Häuser; “Designer do Ano” para as revistas Wallpaper, AD Spain, Elle Decor International e Architektur und Wohnen.